TAG | Oscar Literário 2018


Olá! Para descontrair um pouco decidi responder mais uma TAG bem legal que assisti no YouTube, chamada Oscar Literário. As respostas foram baseadas em minhas leituras do ano de 2017 e os créditos da tag estão no rodapé.

Sem delongas, vamos lá!


Melhor capa

Para ser sincera, eu não ligo muito para as capas dos livros. Raramente compro um livro pela capa ou por outra característica que não seja o próprio conteúdo. Entretanto, gostaria de destacar a capa linda da edição de Simplesmente Crente publicado pela Editora Fiel. Uma das minhas melhores leituras do ano.

 

Melhor HQ 

Poderia ter pulado esse tópico, já que nunca li uma HQ (caso não seja considerado os quadrinhos antigos da Turma da Mônica, mesmo assim tem muito tempo), mas decidi citar para servir de lembrete para mim. Inclusive quem quiser me indicar uma boa HQ deixe nos comentários.


Melhor edição

Primeiro, devo dizer que 85% das leituras que fiz em 2017 foram em formato ebook. O Kindle para mim é a melhor coisa que já inventaram nos últimos... (sem exagero, eu sei rss). Então, não percebo tanta diferença nas edições assim, apesar de mesmo em formato ebook haver aqueles melhores editados. Todavia, dos livros físicos que eu li, gostei muito da edição de Para Salvar uma Vida, da Editora BVBooks. Poderia aliás citar todos os livros da série, pois são publicações muito bem feitas que possuem elementos em suas edições que contribuem para a experiência literária.  


Melhor roteiro

Falando-se em narrativa, em como se dá o desenvolvimento de uma história, não poderia deixar de citar o genial Crime e Castigo, de Fiódor Dostoiéveski


Melhor personagem coadjuvante masculino

Jonny Garcia, de Para Salvar uma vida. Apesar das piadas sem graça nas falas do personagem, os autores conseguiram criar um adolescente interessante e misterioso.


Melhor personagem coadjuvante feminina

Sônia Marmeladova, de Crime e Castigo. Apesar de coadjuvante essa personagem é crucial para a história e inesquecível para o leitor.


Melhor protagonista masculino

Rodion Românovitch Raskólnikov, de Crime e Castigo. Acredito ser inclusive um dos melhores personagens da literatura já criados.

Como menção honrosa cito: Gregor Samsa, de A Metamorfose - o personagem mais bizarro e incrível já construído.
 

Melhor protagonista feminina

Sophie, de O Castelo Animado. Amei a protagonista desse livro. Divertida, alegre, curiosa, de personalidade forte... ♥


Melhor livro de não-ficção

Mentiram para mim sobre o desarmamento, de Flavio Quintela e Bene Barbosa. Fundamentado e direto, em uma linguagem simples e acessível. É um livro imperdível para os brasileiros em nossos dias.


Melhor conto

 A causa secreta, de Machado de Assis. Um conto de horror simplesmente sensacional.

Machado de Assis 1839-1908

Melhor roteiro adaptado (adaptação literária)

Como já comentei por aqui, não sou uma fã de cinema. Então só para representar, gostei da adaptação do primeiro volume de Maze Runner, que inclusive é 1000 vezes melhor do que o livro.


Melhor livro de poesia

Não li nenhum.


Melhor título

Baú de Ossos, de Pedro Nava. Gostei desse título desde a primeira vez que o vi. Quando porém finalmente descobri o seu significado - praticamente nas últimas páginas do livro -, constatei quanta beleza e sensibilidade há nessas palavras.


Melhor final

Vou ter que citar novamente, Crime e Castigo. De todos os finais possíveis que imaginei durante a leitura, o final escrito pelo autor foi muito melhor. Impressionante!

Como menção honrosa cito: Liberdade, de Jonathan Franzen - Depois de toda angústia que passei lendo esse desconfortável livro, tudo que queria do autor era um final menos pior ou não trágico e ele me deu isso.


Melhor autor(a)

Philip Yancey - Esse autor tem um estilo literário tão marcante que é possível percebê-lo em apenas um parágrafo escrito por ele.

Fiódor Dostoiéveski - Autor sensível à alma humana. Não conheço outro autor que tenha feito uma descrição tão perfeita da confusão e inconstância dos pensamentos de um ser humano.


Melhor livro

Hamlet, de Willian Shakespeare - Outro autor que compreendia bem o jogo de luz e trevas da natureza humana.

Confira a lista completa dos melhores livro que eu li em 2017: aqui e aqui




>> Créditos
Onde vi: Canal Redemunhando https://youtu.be/W5ZPdOMmr6k



 
 Kelly Oliveira. Alcançada pela Graça de Deus em Jesus Cristo. Nasceu em São Paulo, mas ama morar em BH. Formada em Ciências Contábeis pela PUC/MG e escreve desde que se entende por gente. Café ♥ Livros ♥ Sboob | Twitter | Listography

Instagram